História

As origens do Grupo Auto-Industrial remontam a 1920 com a fundação, em Coimbra (Portugal), da firma Auto-Industrial.
Conheça aqui em detalhe toda a história do Grupo Auto-Industrial.

1920

FUNDAÇÃO DA AUTO-INDUSTRIAL

Constituição a 20 de Dezembro, em Coimbra, da Auto-Industrial Lda,  sendo o capital social de 250 mil escudos subscrito por 32 sócios dos quais 26 pessoas particulares e 6 pessoas colectivas , alguns dos quais antepassados de muitos dos actuais accionistas.

 

Sendo de destacar entre os fundadores: o Dr. Abel Pereira Andrade, Adriano Viegas da Cunha Lucas, Augusto Luiz Martha, José Correia Amado e o Dr. Mário Raul Leite Santos.

1921

FUSÃO COM “A EMPRESA AUTOMOBILISTICA PORTUGUEZA” (FUNDADA EM 1902)

A Auto-Industrial funde-se com a firma “F.Costa Menezes & Cia” detentora Empreza Automobilística Portugueza. Esta firma tinha sido fundada em 1902 em Coimbra por um dos pioneiros do desporto automóvel nacional, o Dr. Tavares de Melo, representando os automóveis Franceses «Darracq».

Ampliação e modernização do edifício da sede, na Av. Navarro, nº 36, em Coimbra.

Aumento do capital social para 400 mil escudos com a entrada de 10 novos sócios.

1922

REPRESENTAÇÃO DE NOVAS MARCAS DE AUTOMÓVEIS

Início da representação, como agente, das marcas automóveis Francesas «Rochet-Schneider» e «Le Zèbre», bem como da Norte Americana «Buick».

1928

REPRESENTAÇÃO DA FORD

Início da representação, como agente, dos automóveis «Ford».

1929

CONSTRUÇÃO DE NOVA GARAGEM EM COIMBRA

Com expansão da actividade, a Auto-Industrial adquire prédio na Av. Sá da Bandeira, 104 em Coimbra para instalar novas oficinas automóveis, denominadas “Garagem de Santa Cruz”.

1930

NOVAS OFICINAS AUTOMÓVEIS EM COIMBRA

Transferem-se as oficinas de Coimbra, da Avenida Navarro, nº 36, para o nº 51 da mesma artéria, em prédio alugado para o efeito, por forma a melhorar a assistência aos automóveis Ford. A Auto-Industrial representava directamente as marcas automóveis «Darracq», «Baiar-Clement», «Rochet-Schneider» e «Buick», sendo subagente da «Overland», «Chevrolet», «Citröen» e «Dion-Bouton».

1932

REPRESENTAÇÃO DOS AUTOMÓVEIS DA GENERAL MOTORS

Início da representação dos automóveis do fabricante norte-americado «General Motors», nomeadamente “Oldsmobile», «Bedford» e «G.M.C.».

1934

EXPANSÃO PARA A CIDADE DO PORTO

Arrendamento de um stand no Porto, na Rua Cândido dos Reis, para venda de veículos da General Motors. Ainda este ano abrem novas instalações para exposição e venda de automóveis, camiões e peças na Av. dos Aliados também no Porto.

 

A Auto-Industrial dispunha nesta altura de 160 empregados em Lisboa e Porto e de 4 comerciais (designados por “viajantes”) que percorriam todo o país em “furgonetas” vendendo peças e acessórios para automóveis.

 

Com crescimento da actividade é adqurido um novo prédio na Av.Navarro, 45 em Coimbra para instalar garagem de recolha e estação de serviço. Estas novas oficinas são designadas por “Garagem Lusitana”.

1939

DISTRIBUIÇÃO DOS MOTORES PERKINS

Início da distribuição dos motores diesel «Perkins» fabricados desde 1932 pela Perkins Engines Ltd. na cidade de Peterborough no Reino Unido.

1940

ABERTURA DA GARAGEM DO ARNADO EM COIMBRA

Para corresponder à contínua expansão do negócio, é inaugurado o “monumental” edifício do Arnado, em Coimbra. Este edifício foi especialmente construído para a assistência automóvel na mais larga escala. As instalações, pela sua dimensão (8.130 metros quadrados de área coberta e 4.639 metros quadrados de logradouro), e pelo conjunto das mais variadas secções especializadas, foram, na altura, das mais importantes, senão as mais importantes da Península.

 

A Auto-Industrial representava as seguintes marcas automóveis: «Opel-Blitz», «Chevrolet», «Vauxhall», «Oldsmobile», «Bedford» e «G.M.C.».

1947

ABERTURA DE FILIAL EM LISBOA

É aberta em Lisboa uma filial da Auto-Industrial, na Avenida Duque de Loulé, concessionária da General Motors, para os automóveis «Vauxhall» e camiões «Bedford», com importante armazém de peças e uma oficina.

1949

ABERTURA DE FILIAL EM LEIRIA

É inaugurada uma filial em Leiria, na Rua Capitão Mouzinho de Albuquerque. Esta filial foi nomeada concessionária da General Motors para as marcas Chevrolet, Vauxhall e Bedford. As instalações incluíam oficinas e armazéns, ficando o stand de exposição de viaturas na Rua Machado dos Santos, nºs 25-27.

Abertura de novas oficinas automóveis em Lisboa na Rua Sínel de Cordes nº 13.

1955

EXPANSÃO DA ACTIVIDADE EM LISBOA

É adquirido, em 29 de Junho por 6 mil contos, o emblemático edifício Auto-Palace (construído em 1907) em Lisboa, na Rua Alexandre Herculano, nº 66,  para permitir a ampliação dos serviços de assistência às viaturas vendidas em Lisboa, cuja concessão General Motors tinha, entretanto, sido ampliada e tornada extensiva às viaturas Opel

1956

RE-ABERTURA DO EDIFICIO AUTO-PALACE EM LISBOA

Profundamente remodeladas, mas preservando toda a estrutura, abrem ao público as oficinas da Auto-Palace, na Rua Alexandre Herculano, nº 66, em Lisboa, que a Auto-Industrial havia adquirido no ano anterior, para permitir a ampliação dos serviços de assistência às viaturas vendidas em Lisboa, cuja concessão General Motors tinha, entretanto, sido ampliada e tornada extensiva às viaturas Opel.

A Auto-Palace, um grande edifício que ocupa cerca de 2.000 metros quadrados de terreno e tem uma área coberta de 3.705 metros quadrados, fazia já parte da tradição lisboeta. Este edíficio foi projectado e construído pelos conceituados construtores Vieillard & Touzet, entre 1906 e 1907, tendo a sua famosa estrutura metálica sido projectada pela empresa de engenharia de Gustavo Eiffel, aquando da sua vinda a Portugal para a construção de pontes ferroviárias, nomeadamente a de D. Maria, no Porto.

A sua estrutura, os seus vidros, a imponente fachada e os excepcionais vitrais, assinados por C. Martins, são por si, testemunho de um certo conceito de esmero, requinte e harmonia, que nesses tempos eram timbre mesmo na construção fabril ou industrial, revelando também o entusiasmo que, no princípio do século, mereceu o automobilismo em Portugal. A arrojada iniciativa ficou a dever-se a Carlos Bleck, da Sociedade Portuguesa de Automóveis, fundada no ano de 1904.

1959

ABERTURA DE STAND VENDAS NAS CALDAS DA RAINHA

Abertura nas Caldas da Rainha, na Rua Engº Duarte Pacheco, nº12, de um stand de apoio às vendas das viaturas General Motors.

1960

AUTO-INDUSTRIAL COM FORTE IMPLANTAÇÃO EM LISBOA

A Auto-Industrial, dispõe de modernas e amplas instalações em Lisboa, na Avenida Duque de Loulé e na Av. Alexandre Herculano, sendo concessionária da General Motors, para os automóveis «Opel», «Vauxhall», «Pontiac» e para os camiões «Bedford». Adicionalmente é representante dos motores e peças «Perkins».

1964

INÍCIO DO NEGÓCIO DE COMERCIALIZAÇÃO DE MÁQUINAS AGRÍCOLAS

É constituída a firma Tecnicar, Automóveis SARL, associada da Auto-Industrial, com sede e instalações na Rua de D. Estefânia, nº 84-A, com vista à exploração de actividades afins, nomeadamente no campo de máquinas industriais, de construção e agrícolas.

Em 7 de Fevereiro deste ano, a Auto-Industrial é transformada em Sociedade Anónima de Responsabilidade Limitada, sendo o capital social de 15 milhões de escudos. Em Março o capital seria aumentado para 25 milhões de escudos (cerca de 125 mil euros).

1966

ABERTURA DE FILIAL EM CASCAIS (ESTORIL)

Com a colaboração da empresa de combustíveis BP, abre no Estoril, na Avenida de Nice, uma nova filial. As instalações estão dotadas de stand de vendas e serviços de assistência, mormente de serviços rápidos para apoio da concessão General Motors de Lisboa com as marcas Vauxhall, Bedford e Opel.

1968

INICIO DO NEGÓCIO DOS SERVIÇOS DE CONTABILIDADE E INFORMAÇÃO DE GESTÃO

A fim de dotar Coimbra de um Service Bureau e resolver, assim, entre outros, o problema da mecanização dos serviços de contabilidade e estatística da Auto-Industrial, constituiu-se naquela cidade a sua associada Gesteco - Centro de Gestão de Coimbra Lda.

1969

ABERTURA DE NOVAS OFICINAS EM LISBOA E NO PORTO

Em Lisboa, iniciam a sua actividade as oficinas na Portela da Ajuda, na Estrada da Circunvalação, em prédio adquirido para o efeito, exploradas pela associada Tecnicar, onde é prestada assistência às máquinas de sua representação, e ainda às marcas «Vauxhall», «Bedford» e «Opel», de que a Auto-Industrial é concessionária.

No seguimento da constituição neste ano da empresa associada C.A.M. - Camiões, Automóveis e Motores Lda., actual concessionário «Ford» no Porto, abrem ao público grandes oficinas gerais no Porto, na Rua Delfim Ferreira.

Aumento do capital da Auto-Industrial S.A.  para 35 milhões de escudos (cerca de 175 mil euros).

1970

COMEMORAÇÃO DOS 50 ANOS DA EMPRESA

Publicação no "Jornal do Dia", de um resumo da história da Auto-Industrial desde 1920 até 1970. Reuniram, para comemorar, em Coimbra, cerca de 2.000 pessoas.

É constituída a empresa associada Novicar - Automóveis e Tractores Lda., que passa a explorar as instalações em Santarém, no Campo Sá da Bandeira, actual Avenida do Brasil, com oficinas gerais, armazéns e vendas, concessionária dos automóveis «Chrysler» e dos tractores «Valmet».

1971

NOVAS INSTALAÇÕES NA FIGUEIRA DA FOZ

Início da actividade da associada Frota, na Figueira da Foz.

 Aquisição do terreno de Torres Vedras, com cerca de 5.000 metros quadrados.

 Entregue a representação das máquinas agrícolas «Claas» à Associada Tecnicar Automóveis SARL.

1972

NOVAS INSTALAÇÕES NAS CALDAS DA RAINHA

Abertura de stand de vendas de automóveis nas Caldas da Rainha.

Inicio de obras de modernização e remodelação profunda de Stand de Vendas na Av.Duque Loulé em Lisboa.

 

1973

NOVAS MARCAS DE AUTOMÓVEIS E TRACTORES

Participação maioritária na constituição das firmas Gilauto - Automóveis, Máquinas e Equipamentos, SARL actual concessão da «Renault» em Lisboa. Durante este ano é também adquirida a Japanauto - Automóveis SARL nesta altura concessionário da marca «Mazda» (desde 1993 com a designação de Central Parque - Automóveis SA).

Início da distribuição dos tractores «Ebro», fabricados em Espanha, posteriormente (em 1986) esta fábrica será comprada pela Kubota do Japão.

1975

INSTABILIDADE POLITICA E ECONÓMICA EM PORTUGAL AFECTA O GRUPO

Ano conturbado para a economia portuguesa: crise do petróleo, nacionalização de sectores chave como a banca, inflação e instabilidade politica e laboral. A Administração da Auto-Industrial define como prioritário nestas circunstâncias, a salvaguarda da empresa e do património dos accionistas. Acentua-se o diálogo aberto e interessado com os trabalhadores de modo a assegurar a continuidade da empresa pelos postos de trabalho proporcionados e pelo serviço à comunidade onde esta se integra.

1978

EXPANSÃO PARA ÉVORA E VIANA DO CASTELO

Aquisição da União Eborense de Automóveis, concessão da Fiat em Évora.

É constituída em Viana do Castelo a empresa Forte - Camiões, Máquinas e Reparações Lda.

1980

NOVAS EMPRESAS E NOVOS NEGÓCIOS

Constituição da sociedade Motolusa - Motores de Portugal, para distribuição e assistência aos motores diesel Perkins e Rolls-Royce.

É constituída também a sociedade Tractores Ibéricos Lda, importadora dos tractores Ebro.

Criada a concessão Renault para o Estoril e Cascais através da empresa Auto Horizonte - Comércio e Reparações Lda.

Apostando numa nova área de negócio é constituida a Auto-Industrial - Mediador de Seguros Lda.

Aquisição de instalações na Portela de Carnaxide, nos arredores de Lisboa.

Aquisição de terrenos em Torres Vedras (18 mil metros quadrados) e Coimbra (22 mil metros quadrados).

1981

AUMENTO DO CAPITAL DA EMPRESA

Aumento do capital social da Auto-Industrial de 35 para 175 milhões escudos (cerca de 873 mil euros).

1982

NOVAS INSTALAÇÕES, NOVAS EMPRESAS E NOVAS MARCAS

Inauguração de um ponto de exposição e venda na Malveira.

Compra de instalações de grande dimensão em Leiria (Alto do Vieiro).

É constituída, a 1 de Março, a Garagem de Santa Cruz, representante da marca «Citroën» em Coimbra.

Aquisição de instalações próprias em Alcobaça para operar com a «Opel» e a «Bedford».

Início da importação e distribuição na zona sul de Portugal dos Tractores «Fendt».

1983

EXPANSÃO DA ACTIVIDADE PARA A ÁREA FINANCEIRA

Inauguração de novas instalações na zona industrial de Torres Vedras e de Leiria.

Constituição da empresa Sagrup - S.A.G.C.A. Lda. em conjunto com outros concessionários da General Motors tendo por objecto as vendas em grupo.

Participação na constituição de duas das primeiras sociedades de locação financeira nacionais: a Sofinloc SARL em parceria, entre outros, com o Banco Português do Atlântico e o Barclays Bank; e Locapor SARL em parceria com a Caixa Geral de Depósitos.

1984

EDÍFICIO AUTO-PALACE É CLASSIFICADO COMO IMÓVEL DE INTERESSE PÚBLICO

Total reconversão das instalações (stand de vendas) da Av. Duque de Loulé, nº 93, em Lisboa.

Abertura de ponto de venda de automóveis e peças na Lourinhã.

Importantes investimentos em sistemas informáticos tendo em vista desenvolver a centralização da contabilidade.

Classificação do Edificio Auto-Palace em Lisboa como imóvel de interesse público pelo IPPAR- Instituto Português do Património Arquitectónico.

1985

IMPORTADORES DOS TRACTORES FENDT PARA PORTUGAL

Centralização das operações de venda e assistência General Motors no edifício Auto Palace, em Lisboa.

Nomeação como distribuidor exclusivo dos tractores Fendt para Portugal continental e ilhas.

1986

EXPANSÃO PARA FARO NO ALGARVE

Início da actividade da Divisão de Representações da Auto-Industrial em Faro, dedicando-se à venda de produtos para agricultura, nomeadamente, compostos de turfa e placas para viveiros.

1987

INICIO DA ACTIVIDADE DE CRÉDITO À COMPRA DE AUTOMÓVEIS

Início de um sistema próprio de crédito à compra de viaturas, com a designação de "Crédito-Mais" através da empresa Tecnicar, cujo capital é aumentado de 50 para 200 milhões de escudos. Neste ano são financiadas 75 viaturas utilizando letras de câmbio.

Realização de 2 emissões de Obrigações, 350 milhões de escudos com a sociedade de investimentos MDM (Grupo Deutsche Bank) e 325 milhões de escudos com o BPA – Banco Português do Atlântico, ambas as emissões foram integralmente colocadas.

Aumento do capital social para 700 milhões de escudos (cerca de 3,5 milhões de euros).

Início da importação e distribuição para Portugal dos tractores «Hinomoto».

1988

EXPANSÃO DAS VENDAS COM LIBERALIZAÇÃO DO MERCADO AUTOMÓVEL PORTUGUÊS

Fim da contingentação e liberalização do mercado nacional de automóveis de passageiros e mistos, com grande expansão de vendas. O grupo duplica as vendas em relação ao ano anterior.

O Grupo , no seu negócio agrícola (Claas, Fendt e Hinomoto), dispõe de uma rede de revendedores composta por 45 empresas em todo o país

Um ano após inicio da actividade de crédito automóvel da Tecnicar, são financiadas 1.242 viaturas.

1989

SURGE A TECNICRÉDITO

Alteração do nome Tecnicar para Tecnicrédito Pedido de autorização, ao Ministério das Finanças, para a passagem da Tecnicar a Tecnicrédito - Automóveis SA. a S.F.A.C. (Sociedade Financeira para Aquisições a Crédito), com o capital de 500 milhões de escudos (cerca de 2,5 milhões de euros). O BPA – Banco Português do Atlântico detém 50% do Capital desta sociedade.

Constituição da sociedade O.S.F.-Organização, Software e Formação Lda, cujo capital é detido em partes iguais pela Auto-Industrial e pela Philips Portuguesa. O objecto desta sociedade é o desenvolvimento de software sobre o qual assentará a informatização do Grupo a partir de 1990.

1990

TECNICRÉDITO TORNA-SE UMA SOCIEDADE FINANCEIRA PARA AQUISIÇÕES A CRÉDITO

Autorizada a transformação da Tecnicrédito - Automóveis SA. em S.F.A.C., solicitada no ano anterior ao Banco de Portugal. Neste ano é abandonada a utilização de letras de crédito, sendo financiadas 7.793 viaturas.

Aquisição de 50% da sociedade Digitese - Consultadoria e Aplicações Informáticas Lda.

A Novitexto Lda (anterior Novicar Lda.) passa a operar na área da produção e comercialização de informação via “Videotex”

Encontro de quadros do Grupo Auto-Industrial é realizado, em 23 e 24 de Novembro, no Hotel Estoril-Sol.

1991

AUTO-INDUSTRIAL RECEBE TROFÉU RODA DE PRATA DA A.C.A.P.

Aumento do capital social da Auto-Industrial para 1.100 milhões de escudos.

Inicia-se, através da sociedade Tractores Ibéricos Lda, a importação e distribuição, em Portugal, dos Tractores «Kubota», líder no sector dos tractores compactos.

A Auto-Industrial participa, através do consórcio Movifone SA, conjuntamente com o Banco Totta & Açores e a Vodafone no concurso de atribuição da licença para um operador privado da rede GSM (telefonia móvel) em Portugal.

Participação, em 35%, no capital da Modipe SA. novo importador / distribuidor «Perkins» para Espanha.

Atribuição do Troféu Roda de Prata feita pela A.C.A.P. - Associação do Comércio Automóvel de Portugal à Auto-Industrial.

Início, no dia 1 de Julho, da Centralização Financeira do Grupo Auto-Industrial. Com a adopção deste software específico, desenvolvido internamente, passa a ser possível gerir centralmente a Tesouraria das empresas do grupo, com a consequente optimização da gestão dos recursos financeiros do Grupo.

1992

ENTRADA NO NEGÓCIO DAS TELECOMUNICAÇÕES MÓVEIS

Tomada de posição em 25% do capital da Macaulease - Locação Financeira SA e constituição de uma nova empresa na área financeira, a Tecnilease, com a participação da Auto-Industrial e do Banco Comercial de Macau no respectivo capital.

Criação da Divisão de Telecomunicações com instalações próprias em Lisboa e em Faro. Tendo como principal actividade a importação e distribuição para Portugal dos telefones móveis da marca «Technophone», fabricados pela Nokia Mobile Phones, e a venda de acessos ao serviço móvel «Telecel» (futura Vodafone Portugal).

1993

EXPANSÃO DA ACTIVIDADE DE CRÉDITO AUTOMÓVEL

Com o fim das restrições legais ao crédito ao consumo em Portugal, a Tecnicrédito financia 12.584 viatura correspondentes a 7.200 milhões de escudos de capital financiado.

1994

AQUISIÇÃO DA TOTALIDADE DO CAPITAL DA GESTECO

A Auto-Industrial fica detentora da totalidade do capital da Gesteco - Centro de Gestão de Coimbra Lda, por aquisição dos restantes 50%.

1995

ENTRADA NO NEGÓCIO DA ALUGUER DE LONGA DURAÇÃO (A.L.D.)

Abertura de novo stand de vendas da C.A.M. - Camiões, Automóveis e Motores Lda. em Matosinhos.

Na sequência da sua rápida expansão, a Tecnicrédito adquire a totalidade do capital da Sagrup-Rent, acrescentando o Aluguer de Longa Duração (A.L.D.) à sua carteira de produtos. No final do ano a Tecnicrédito possuía já uma importante rede de delegações nos principais distritos do país: Lisboa, Porto, Coimbra, Faro, Setúbal, Leiria, Braga, Aveiro, Viseu, Castelo Branco e Santarém.

Aumento do Capital Social da Auto-Industrial S.A. para 1.500 milhões de escudos.

Importante remodelação do stand de vendas, oficina e escritórios do Edifício Auto-Palace em Lisboa. Também são realizadas importantes obras de conservação e iluminação da fachada deste edifício histórico.

Convívio comemorativo em Coimbra, na Quinta das Lágrimas, com a presença do Conselho de Administração e quadros superiores do Grupo, para assinalar os 75 anos da Auto-Industrial

1996

AUTO-INDUSTRIAL ADQUIRE TOTALIDADE DO CAPITAL DA TECNICRÉDITO

A Auto-Industrial - Mediação de Seguros Lda altera a sua designação para Margem - Mediação de Seguros Lda, procurando deste modo alargar ainda mais a sua área de actuação fora do Grupo Auto-Industrial.

Reforçando a sua presença na região de Lisboa, a Gilauto SA inaugura novas oficinas na zona de Campo de Ourique, aproveitando instalações e funcionários do antigo concessionário «Renault» para este zona.

A aquisição, a 31 de Dezembro, ao Banco Português do Atlântico de 50% do capital social da Tecnicrédito permite à Auto-Industrial retomar integralmente a sua posição numa empresa que fora criada no seu seio e que ocupa posição de grande relevo no mercado do financiamento à aquisição de automóveis.

1997

INICIO DA ACTIVIDADE DA AUTO-USADOS

Aquisição, a 10 de Janeiro, da totalidade das quotas da Moto - Meca R.L. concessionário «Opel» da região do Porto.

Transferência da Administração de Lisboa e dos Serviços Centrais da Auto-Industrial para novas instalações na Av.Fontes Pereira de Melo, nº14  em Lisboa.

Em Março dá-se o aumento do capital social da Auto-Industrial para 2.000 milhões de escudos.

Criação da Tecnicrédito S.G.P.S. ficando a Auto-Industrial com 85% do respectivo capital social. A Tecnicrédito S.G.P.S. detém a totalidade do capital social da Tecnicrédito - Financiamento de Aquisições a Crédito.

Prosseguindo a sua estratégia de crescimento, a Auto-Industrial cria uma nova área de negócio dedicada à comercialização de automóveis usados através da marca “Auto Usados” (usados multimarca). Esta nova área de negócio abre as portas ao público em Outubro com pontos de venda em Lisboa, Pêro Pinheiro, Malveira, Faro, Leiria e Coimbra.

No âmbito do desenvolvimento das novas tecnologias de informação a Auto-Industrial cria um site na Internet. Neste site (www.auto-industrial.pt) é possível obter informações sobre a empresa e os automóveis Opel.

Também neste ano, é iniciada a implementação de novo software de Gestão e de Telecomunicações em todas as empresas do Grupo. O importante investimento nesta nova aplicação (plataforma SGIX), desenvolvida pela empresa Inforap,  permite a integração da Contabilidade, Pessoal, Facturação, Stocks e Vendas em todo o Grupo Auto-Industrial, com os consequentes benefícios em termos de gestão.

Também neste ano, a Tecnicrédito, com o apoio de um dos maiores grupos financeiros europeus (Deutshe Bank), organizou um programa de securitização de activos - Asset Backed Securitisation - no montante de 100 milhões de marcos com a duração de sete anos, operação pioneira em Portugal que revela a capacidade de desenvolvimento, pesquisa e inovação na actividade financeira, que caracterizam a Tecnicrédito.

Após estudo, por empresa especializada, é lançada em Abril a nova “Corporate Image” da Auto-Industrial e de todas as empresas associadas. Com esta nova imagem pretende-se homogeneizar a identificação visual das empresas do grupo de modo a aumentar o seu reconhecimento interno e externo.


1998

TECNICRÉDITO INICIA INTERNACIONALIZAÇÃO NA HUNGRIA

A associada Moto Meca RL altera a sua designação para Auto-Industrial Porto Lda.

Em 1 de Abril a Auto-Industrial S.A. lança oficialmente uma nova área de negócio: aluguer de viaturas (rent-a-car) e gestão de frotas.

A Gilauto S.A. remodela o Stand de Vendas nos Olivais e abre um novo Stand nos Prazeres.

A C.A.M. abre um novo Stand de Vendas na Av.dos Aliados, Porto.

Constituição de empresa de crédito na Hungria, a Tecnicredito Magyarosag.

1999

AQUISIÇÃO DE CONCESSIONÁRIO FORD EM LISBOA

Nomeação da União Eborense Lda. como concessionário «Lancia» para o distrito de Évora.

Aquisição de concessionário «Ford» para a zona de Lisboa, Cascais e Oeiras: Solmotor S.A.. Passando a associada C.A.M. a operar também na Grande Lisboa, para além do Grande Porto.

Tecnicrédito adquire imóvel na Av. 24 de Julho em Lisboa, para instalar sede.

Início da publicação pelas empresas do sector agrícola do Grupo da Newsletter “Agricultura & Máquinas”, boletim dirigido pelo Engº Fausto Briosa, conceituado especialista em mecanização agrícola.

Celebração dos 60 anos de parceria com a empresa Perkins, o Grupo, a nível mundial, é um dos mais antigos distribuidores independentes desta marca de motores (desde 1939).

2000

O BANCO MAIS INICIA A ACTIVIDADE

A Tecnicrédito - Financiamento de Aquisições a Crédito S.A. é autorizada pelo Banco de Portugal a transformar-se em Banco passando a designar-se por Banco Mais S.A. Realizada nova operação de Securitização, no valor de 150 milhões de Euros, com rating AAA, a primeira realizada em Portugal com esta notação.

Início da representação, em Braga, dos automóveis «Chrysler» e «Jeep», através da associada EUA Lda.

Inauguração em Rio Tinto das novas instalações da Auto-Industrial Porto. Neste local com uma área útil de 23.000 m2 serão concentrados de forma integrada todos os serviços Opel desta concessão.

A Auto-Industrial alarga a sua cobertura na zona de Lisboa com a abertura de um novo espaço «Opel» em Alcântara, na Av. 24 de Julho.

O Capital Social da Auto-Industrial é aumentado para 2.500 milhões de escudos.

Novo site na internet da Motolusa - www.motolusa.pt - consagrado à comercialização de motores diesel e embarcações marítimas.

Comemoração do 80º aniversário da constituição da Auto-Industrial, este evento fica assinalado por uma campanha publicitária nos principais meios de comunicação nacional e por uma promoção junto dos clientes das concessões Opel que consistia na oferta de pistas eléctricas de automóveis e num concurso junto de clientes, cujo o prémio foi uma viagem às Caraíbas.

2001

FORTE INVESTIMENTO NA INTERNET PARA REFORÇO DA PROXIMIDADE AO CLIENTE

No âmbito da adopção da nova moeda europeia, o capital social da Auto-Industrial é redenominado para 12.500.000 Euros.

Reforçando a sua presença na internet são abertos vários sites, nomeadamente: o site institucional do Grupo - www.grupoautoindustrial.pt - que para além da informação institucional funciona como portal de entrada para os outros sites do Grupo e o site da área de negócio de usados - www.autousados.pt

Abertura em Benavente (Santarém) de novas instalações da Divisão Agrícola, esta inauguração coincide com a comemoração dos 30 anos de presença em Portugal da marca de máquinas agrícolas «Claas».

A EUA Lda alarga a sua cobertura geográfica com a abertura de um novo stand de vendas «Chrysler» / «Jeep» em Penafiel.

Conclui-se a primeira fase da implementação da estratégia de centralização dos “back-offices” de contabilidade das operações não financeiras. Os departamentos de contabilidade de cada operação/filial passam a estar concentrados em apenas três locais: Lisboa, Alcabideche e Porto. Deste modo reduzem-se custos, nomeadamente com pessoal, e passa a haver maior uniformização de procedimentos e práticas, permitindo um controlo de gestão mais fácil, consistente e completo.

Prosseguindo a sua estratégia de internacionalização, o Banco Mais abre uma sucursal em Espanha e inicia, em Portugal, o negócio de Leasing e Crédito Pessoal.

2002

AQUISIÇÃO DA MERCENTRO, CONCESSIONÁRIO DA MERCEDES-BENZ EM AVEIRO

Em Julho deste ano é adquirida a totalidade do capital social da Mercentro S.A. concessionário oficial da «Mercedes-Benz» em Aveiro (veículos de passageiros e comerciais) e em Viseu (veículos comerciais pesados). A Mercentro S.A. dispõe de modernas instalações (stand de vendas, assistência técnica e peças) em Aveiro.

Expansão da C.A.M. , concessionário da Ford, com a abertura de novas instalações em Leça da Palmeira (Matosinhos) e em Campo de Ourique (Lisboa).

O edifício Auto-Palace em Lisboa, foi considerado pela Ordem dos Engenheiros como uma das 100 obras de engenharia mais importantes de Portugal no séc. XX. Este acontecimento é assinalado com evento no referido edifício, com a presença dos principais parceiros comerciais do Grupo. Esta distinção fica registada para a posteridade em placa comemorativa no local e no livro “As 100 obras de engenharia do séc.XX – Portugal” (editado pela Ordem dos Engenheiros).

2003

REPRESENTAÇÃO DOS AUTOMÓVEIS ALFA-ROMEO E DOS TRACTORES RENAULT

Início da importação exclusiva para Portugal das máquinas agrícolas Renault através da aquisição da firma Sagar Lda. Este processo decorre da compra do negócio de fabrico de tractores da Renault pela Claas.

Representação dos automóveis Alfa-Romeo através do concessionário União Eborense Lda em Évora.

2004

AQUISIÇÃO DA SODICENTRO, CONCESSIONÁRIA DA MERCEDES-BEZ EM COIMBRA E LEIRIA

Aquisição da Sodicentro Lda, distribuidor oficial da «Mercedes-Benz» e da «Smart» em Coimbra e em Leiria.

EUA abre novo espaço para venda de usados em Braga (Celeirós).

2005

AUTO-INDUSTRIAL RECEBE MEDALHA DE MÉRITO EMPRESARIAL DA CIDADE DE COIMBRA

Representação da marca de automóveis «Chevrolet» através de concessionários em Coimbra e em Lisboa.

Banco Mais abre delegação na Eslováquia.

Grupo Auto-Industrial recebe Medalha de Mérito Empresarial da cidade de Coimbra. Por deliberação unânime da Câmara Municipal de Coimbra foi concedida ao Grupo Auto-Industrial a Medalha de Mérito Empresarial. Esta atribuição é "uma forma de reconhecimento pela capacidade de trabalho e gestão demonstradas, pelo espaço conquistado no mercado e por todo o historial de bons desempenhos que têm caracterizado esta empresa sediada no Concelho de Coimbra, que em muito dignifica este Município e contribui para o respectivo progresso e desenvolvimento."

 

Alteração do capital social da Auto-Industrial para 20 milhões de euros.

2006

AQUISIÇÃO DA A.BRÁS HELENO CONCESSIONÁRIO BMW EM LEIRIA

Auto-Industrial inicia a distribuição dos automóveis «Isuzu» em Coimbra, Leiria e Porto.

Banco Mais inaugura nova sede em Lisboa na Av.24 de Julho, inicia a actividade na Polónia e adquire 30% do Banco Pecúnia no Brasil.

Mercentro nomeada concessionária «Smart» em Aveiro.

A C.A.M. Abre novo stand de vendas da «Ford» em Lisboa, na Av. D.João V.

Grupo Auto-Industrial nomeado para o prémio “Best of European Business”. Nesta categoria são distinguidas as empresas nacionais com estratégias de crescimento de sucesso. Esta iniciativa em Portugal conta com o apoio do Jornal de Négócios, Universidade Católica Portuguesa, Roland Berger e CNN.

A EUA Lda inicia a comercialização dos automóveis «Dodge» em Braga.

Aquisição de concessionário «BMW» e «Mini» em Leiria e Caldas da Rainha, a A. Brás Heleno S.A.

2007

NOVA CONCESSÃO DOS AUTOMÓVEIS MITSUBISHI NO PORTO

A C.A.M. é nomeada concessionária «Mitsubishi» no Porto.

Lançamento da marca «Auto Premium» vocacionada para a comercialização de automóveis usados de gama alta.

Celebração do 100 anos da construção do edifício Auto-Palace em Lisboa. Edição do livro comemorativo “Auto  Palace: um século de vida”, sobre a história do mesmo, elaborado por Alexandre Coutinho e Ana Costa.

Realização da Mega-Feira em Leiria e Lisboa, um novo conceito de venda de viaturas usadas em espaços fora das concessões, caracterizado pelo elevado número de viaturas multimarca para venda com condições atractivas durante período limitado de tempo.

Remodelação total do stand «Renault» da Gilauto S.A. em Lisboa na Av.Duque de Loulé.

2008

NOVO CONCESSIONÁRIO DOS AUTOMÓVEIS FIAT EM LEIRIA

Início da distribuição dos automóveis Fiat em Leiria através da A. Brás Heleno.

2009

INTEGRAÇÃO DA TECNICRÉDITO NO GRUPO BANIF

Integração, a partir de 30 de Setembro, da Tecnicrédito (Banco Mais) no Grupo financeiro BANIF passando a Auto-Industrial a deter uma participação qualificada no capital social do BANIF SGPS.

Inauguração de novo stand de vendas da «Opel» em Leiria no Alto do Vieiro.

Início da importação e distribuição, através da empresa Sagar, dos tractores «Landini» fabricados pelo grupo italiano Argo.

2010

NOVAS MARCAS E NOVAS CONCESSÕES AUTOMÓVEIS

Comemoração do 90º aniversário da fundação da Auto-Industrial.

Novas concessões dos automóveis «Kia» em Braga, «Jeep/Chrysler/ Dodge» em Coimbra, «Alfa Romeo» em Leiria e «Seat» em Lisboa (Alcântara).

Início da importação e distribuição, através da Divisão Agrícola da Auto-Industrial, da marca «Vogel Noot».

Comemoração dos 40 anos do início da importação dos tractores e ceifeiras Claas em Portugal, realização de evento no rio tejo, a bordo de veleiro (Princípe Perfeito) com a presença de revendedores e Clientes.

2011

NOVAS MARCAS AUTOMÓVEIS

A Gilauto S.A. inaugura um novo stand de vendas da «Renault» no Restelo.

A Motolusa abre a Marina Monsanto, uma doca seca para embarcações localizada na Portela da Ajuda.

Início da distribuição dos automóveis «Škoda» na Eborense Car em Évora e na Central Parque S.A. em Lisboa, e a distribuição dos automóveis «Hyundai», também em Lisboa, através da CAM.

Lançamento da página do Facebook do Grupo Auto-Industrial.

Abertura do novo ponto de recepção de serviço «Opel» e «Chevrolet» da oficina da Auto-Industrial em Rio Tinto.

Abertura de reparador autorizado dos automóveis «Citroën» em Leiria através da Sodicentro.

Inauguração de novo stand de vendas «Chevrolet» em Lisboa na Avenida da República. Este espaço conta com a exposição e venda dos míticos automóveis Corvette e Camaro, e do revolucionário e inovador automóvel eléctrico Volt.

Inauguração das novas instalações «Mitsubishi» da CAM no Porto, na Rua Delfim Ferreira.

2012

NOVAS CONCESSÕES AUTOMÓVEIS EM LISBOA E NO PORTO

C.A.M. nomeado concessionário Fiat e Alfa-Romeo no Grande Porto.

A Auto-Industrial de Coimbra é considerada o melhor concessionário Chevrolet do ano.

Grupo Auto-Industrial, um ano após lançamento da página, atinge os 5.000 fãs no Facebook.

Auto-Industrial torna-se concessionário em Lisboa da Hyundai.

2013

NOVAS INSTALAÇÕES EM LISBOA PARA A RENAULT E PARA A DACIA

A Gilauto abre novas instalações integradas em Alcântara, Lisboa. Este novo local opera como concessionário “Renault” e “Dacia” (nova concessão).

Inicio da actividade de nova empresa de mediação de seguros: Segline Seguros Lda.

No âmbito do aumento de capital do BANIF SGPS, decorrente do plano de recapitalização do banco com recurso a investimento público, a AI SGPS como accionista de referência participa no aumento capital social do banco.

2014

GRANDE EVENTO AUTOMÓVEL EM LEIRIA

Realização da 1ª edição do evento “Grupo Auto-Industrial: Segurança Automóvel em Leiria”, novo conceito de exposição e venda de viaturas novas e usadas em local público e ao ar livre. Estiveram presentes as 3 empresas de Leiria com as respectivas marcas representadas: AUTO-INDUSTRIAL, SODICENTRO e A.BRÁS HELENO. Não sendo um evento exclusivamente comercial, houve o apoio de várias entidades locais, nomeadamente Bombeiros, P.S.P. e Instituto Politécnico de Leiria, na elaboração de workshops, check-ups de saúde, actividades de condução defensiva e segurança rodoviária para crianças.

Criação ao nivel central do D.V.E. – Departamento de Vendas Especiais, vocacionado para a prospecção e venda junto de grandes e médios clientes frotistas.

2015

CESSAÇÃO DA PARTICIPAÇÃO NO BANIF

Em Dezembro, após decisão de resolução do Banif pelo Estado Português, o Grupo deixa de ter participação no capital social desse Banco.

Auto-Industrial vende a sua participação no Banif Mais SGPS S.A. à Cofidis Participations S.A..

Concessão Ford do Porto, CAM, distinguida com o mais importante galardão da Ford Motor Company a nível global, o ”Chairman's Award”. De referir que a CAM alcança esta distinção pela décima vez, registando no seu palmarés os seguintes troféus por operação: CAM Lisboa (2009, 2010, 2012 e 2014) e CAM Porto (2005, 2006, 2008, 2009, 2010 e 2013).

Concessão Mercedes- Benz de Coimbra, Sodicentro, distinguida pela Mercedes-Benz Portugal com o prémio de concessionário “Star Selection” do ano. Este prémio, ganho pelo segundo ano consecutivo, distingue a melhor concessão em Portugal em termos de performance comercial na actividade de viaturas usadas na rede Mercedes-Benz.

Realização da 2ª edição do evento “Grupo Auto-Industrial: Segurança Automóvel em Leiria”, durante 6 dias foram recebidos cerca de 3.000 visitantes e estiveram em exposição, junto ao Estádio de Leiria, cerca de 300 viaturas a preços especiais.

Auto-Industrial assinala os 95 anos de existência.

A Gilauto, em Lisboa, passa a ser centro Renault Pro+, que presta um serviço de maior proximidade à medida das necessidades dos seus clientes.

2016

PROFUNDA REMODELAÇÃO DA GARAGEM DO ARNADO EM COIMBRA

Profunda remodelação e modernização da Garagem do Arnado em Coimbra (edifício construído em 1940) e que opera actualmente como concessionário Opel e Isuzu.

Transferência da sede da Auto-Industrial S.A. da Av. Navarro para a Av. Fernão Magalhães (Garagem do Arnado).

Abertura na Av. da Republica, em Lisboa, da “Opel Flagship Store” da Auto-Industrial.  A inauguração deste novo stand de vendas conta com as presenças do Vice-Presidente de Vendas e Pós-Venda do Opel Group, (Peter Kuespert)  e do Presidente da General Motors Portugal.

Reforço significativo da presença das várias empresas do Grupo Auto-Industrial na internet e nas redes sociais.

Após remodelação, abertura da nova Ford Store na C.A.M. SA em Perafita (Matosinhos/Porto).

Abertura pela C.A.M. SA do salão de exposição da marca Mitsubishi em Rio Tinto (Porto).

2017

Nº 1 EM VENDAS NO MERCADO PORTUGUÊS DE TRACTORES AGRICOLAS

Grupo Auto-Industrial atingiu os 16.000 fãs no Facebook.

Transferência das instalações da A. Braz Heleno, reparadora oficial BMW e Mini Service e representante AutoPremium e AutoUsados, para a Rua do Alto Vieiro nº1, em Leiria.

Lançamento da AutoGlobal, a rede de Oficinas Automóvel Multimarca do Grupo Auto-Industrial. A primeira oficina encontra-se na cidade de Coimbra, mas o plano de expansão prevê chegar a todo o território Nacional.

Sodicentro de Coimbra distinguida pela Mercedes-Benz Portugal com prémio de concessionário do ano Mercedes-Benz VLP 2016.

Abertura pela C.A.M. SA de stand de vendas Ford com oficina integrada em Alfragide (Lisboa), em Maio.

Abertura pela C.A.M. SA de novo salão de vendas e oficina Fiat e Alfa Romeo em Rio Tinto (Porto).

C.A.M. recebe pela 10º vez da Ford o “Chairman´s Award”, desta vez relativo a 2016.

Renovação da imagem e abertura de novo stand de vendas da CAM para as marcas Fiat, Alfa-Romeo, Abarth e Jeep, na R. Delfim Ferreira, em Novembro.

Realização, em Novembro, de Campanha Publicitária Nacional “Black Friday”, utilizando principalmente meios digitais, para a venda de automóveis novos e usados.

Os Tractores Kubota importados e distribuídos por Tractores Ibéricos Lda. foram em 2017 a marca de tractores mais vendida em Portugal (pelo primeira vez desde sempre foi Nº1 absoluto em vendas). De realçar também, o facto de a Kubota ter no mercado português a quota mais alta da Europa sendo o único país onde é líder absoluta de mercado.


2018

INICIO DA IMPORTAÇÃO DOS TRACTORES McCORMICK

Em Abril, a Sodicentro abre novas instalações em Pombal para vendas Mercedes Certified (Usados) e Veículos Comerciais Ligeiros da Mercedes-Benz

De modo a dotar o Grupo de condições para que o marketing digital seja uma vantagem competitiva no mercado, é criado o novo departamento MDCI (Marketing Digital, Customer Experience e Identidade).

Início, em Maio, da importação e distribuição para Portugal dos Tractores McCormick produzidos pelo Grupo italiano Argo através da Tractorluso Lda.

Auto-IndustriaI distinguida pelo Banco Caixa Geral de Depósitos com o estatuto “Empresa Caixa Top” pelo seu desempenho, dinamismo e competitividade.

Abertura da 2ª oficina multimarca da rede Auto Global no Alto do Vieiro em Leiria.

2019

INICIO DA IMPLEMENTAÇÃO DE NOVO SISTEMA DE INFORMAÇÃO E GESTÃO

Em cerimónia realizada na sede da Kubota em Osaka no Japão, Tractores Ibéricos Lda. foram distinguidos, pela direcção deste fabricante, pelo elevado desempenho de vendas de Tractores Kubota registado nos últimos anos em Portugal.

Em Fevereiro de 2019, a Sodicentro Lda., concessão de Leiria, foi galardoada como o concessionário “Mercedes Certified” do ano 2018. Este título premeia o melhor concessionário da rede Mercedes-Benz em volume de vendas de viaturas usadas certificadas da Mercedes e em satisfação de clientes nesta categoria.

Inicio, em Junho, da distribuição marca de equipamentos de agro-jardim de origem checa Villager através de Motolusa Lda.

Em cerimónia realizada na sede da Kubota em Osaka no Japão, Tractores Ibéricos Lda. foram distinguidos, pela direcção deste fabricante, pelo elevado desempenho de vendas de Tractores Kubota registado nos últimos anos em Portugal.

Em Fevereiro de 2019, a Sodicentro Lda., concessão de Leiria, foi galardoada como o concessionário “Mercedes Certified” do ano 2018. Este título premeia o melhor concessionário da rede Mercedes-Benz em volume de vendas de viaturas usadas certificadas da Mercedes e em satisfação de clientes nesta categoria.

Inicio, em Junho, da distribuição marca de equipamentos de agro-jardim de origem checa Villager através de Motolusa Lda.


2020

CELEBRAÇÃO DOS 100 ANOS DA AUTO-INDUSTRIAL

Comemoração do centenário da fundação da Auto-Industrial S.A. na cidade de Coimbra em 1920. Importante marco histórico que consagra a empresa como uma das mais antigas no sector automóvel português.

Siga-nos

Já segue o Grupo Auto-Industrial?
Conheça, em primeira mão, todas as novidades.

Newsletter

Inscreva-se e receba regularmente informação
personalizada no seu email.

Arbitragem de conflitos de consumo

Conforme Lei nº 144/2015, o consumidor pode recorrer ao Centro de Arbitragem do Sector Automóvel, com sítio em www.arbitragemauto.pt e sede na Av. República,44 - 3º Esqº, 1050 194 Lisboa